Clipping

Açúcar bruto cai quase 3% na ICE após petróleo despencar

Postado em 22 de Abril de 2020

Os contratos futuros do açúcar bruto negociados na ICE em Nova York, assim como os do açúcar branco em Londres, fecharam em queda nesta segunda-feira, depois de os preços do petróleo nos Estados Unidos recuarem ao menor nível da história.

O contrato maio do açúcar bruto fechou em queda de quase 3%, a 10,06 centavos de dólar por libra-peso.

O primeiro vencimento do petróleo nos EUA foi negociado a níveis negativos pela primeira vez na história, diante de preocupações de que os espaços de armazenamento no país estejam totalmente cheios em breve.

Os preços mais fracos da energia tendem a fazer com que usinas do Brasil acelerem a produção de açúcar, em detrimento do etanol.

Especuladores elevaram as posições vendidas em açúcar bruto na ICE em quase 11 mil contratos na semana terminada em 14 de abril, atingindo os 43.151 contratos.

“O mercado parece pronto para continuar testando um piso ao redor dos níveis atuais. No entanto, é provável que operadores continuem muito nervosos diante das mudanças negativas no cenário macro”, disse um comerciante.

O açúcar branco para agosto recuou mais de 3%, para 329,10 dólares por tonelada.


Fonte: Reuters