Clipping

Agro e plataformas de petróleo impulsionam importações em fevereiro, aponta FGV/Icomex

Postado em 15 de Março de 2021

A nacionalização de plataformas de petróleo e as compras do setor agropecuário no exterior turbinaram o desempenho das importações brasileiras em fevereiro, segundo os dados do Indicador de Comércio Exterior (Icomex) do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV).

O volume importado pelo país cresceu 20,8% em fevereiro de 2021 ante igual mês de 2020. No entanto, sem as plataformas de petróleo, a alta foi de 9,3% no período. Já o volume exportado recuou 4,3% no mês passado ante fevereiro de 2020. A balança comercial de fevereiro alcançou um superávit de US$ 1,2 bilhão, após o déficit de US$ 986 milhões registrado em janeiro.

No primeiro bimestre de 2021, houve superávit acumulado de US$ 166 milhões. As commodities explicam cerca de 65% das exportações brasileiras, lembra a FGV. Entre fevereiro de 2020 e fevereiro de 2021, os preços subiram 13,8%, mas o volume exportado recuou 6,2%. Os preços das commodities vêm subindo desde o segundo semestre de 2020, encontrando-se no maior patamar desde 2011, logo após o pico de preços do boom de 2010, ressaltou a FGV.

“As dúvidas persistem, mas as políticas expansionistas dos Estados Unidos e da China apontam que a tendência de alta dos preços das commodities deverá persistir durante 2021”, diz a nota do Icomex.

 


Fonte: Estadão Conteúdo