Clipping

Agronegócio segura a balança comercial brasileira em maio

Postado em 3 de Junho de 2020

O setor agropecuário registrou alta de 36,1% no volume exportado na balança comercial do mês de maio. Registrando recorde histórico para o mês em volume exportado dos seguintes produtos: soja (15,5 milhões de toneladas), açúcares e melaço (2,7 milhões de toneladas), farelo de soja (2 milhões de toneladas), carne de aves (373 mil toneladas), carne bovina (155 mil toneladas) e café (216 mil toneladas). 

De acordo com Lucas Ferras, Secretário de Comércio Exterior, “o bom desempenho exportador do agronegócio tem compensado o recuo observado para as exportações de produtos industrializados, conferindo resiliência ao setor exportador nacional e contribuindo para uma queda menos acentuada da atividade doméstica, em um contexto de queda progressiva do PIB global”.

De acordo com números divulgados hoje pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério da Economia, a balança comercial fechou o mês de maio com superávit de US$ 4,548 bilhões o valor é 11,1% menor, comparado ao mesmo período do ano anterior pela média diária. No acumulado janeiro-abril, o saldo é de US$ 16,349 bilhões, queda de 17,9% sobre o mesmo período do ano passado. As exportações somaram US$ 17,940 bilhões, e as importações US$ 13,392 bilhões, ambas registraram quedas pela média diária, respectivamente de, 4,2% e 1,6% sobre maio do ano anterior.


Fonte: Ministério da Economia - Texto retirado do Sistema FAEG