Clipping

Alepe instaura frente em defesa da cana

Postado em 24 de Abril de 2019

Atividade de grande peso para a economia de Pernambuco, a produção de cana-de-açúcar ganha mais um reforço no Estado com a instauração da Frente Parlamentar em Defesa do Setor Sucroalcooleiro. Proposta pelo deputado estadual Clovis Paiva (PP), a frente foi criada ontem na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), no Recife, com o propósito de discutir ideias e sugestões de projetos de lei que que favoreçam o crescimento do setor. Por isso, teve a primeira reunião prestigiada por representantes desse segmento econômico, como o presidente do Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool no Estado de Pernambuco (Sindaçúcar-PE), Renato Cunha.

“Temos o intuito de enfrentar todos os problemas relacionados à cana-de-açúcar gerando mais emprego e oportunidades”, explicou o deputado Clovis Paiva, que vai coordenar a Frente em Defesa do Setor Sucroalcooleiro. O grupo também é composto pelos deputados Antônio Moraes (PP), Clodoaldo Magalhães (PSB), Henrique Queiroz Filho (PR), Antônio Fernando (PSC), Romero Sales (PTB) e Gustavo Gouveia (DEM). “É o início de um trabalho que pode trazer bons frutos no futuro”, reforçou Paiva.

Atualmente, no Nordeste, a produção sucroalcooleira gera cerca de 230 mil empregos. Em Pernambuco, a perspectiva também é positiva. A produção de etanol aumentou quase 35% na safra 2018/2019 no Estado. Já o esmagamento cresceu 5,63%, chegando a 11,4 milhões de toneladas.

O deputado Henrique Queiroz Filho, em sua fala, aproveitou também para destacar o impacto social da manutenção e reativação das usinas de cana-de-açúcar no Estado. “Tratamos a cana não só no aspecto econômico, mas também como a ‘cana social’. Com mais usinas, mais pessoas estarão empregadas e mais famílias envolvidas, beneficiando também a segurança pública e diminuindo o êxodo rural”, afirmou.

Entre as demais pautas levantadas pela frente, estão o investimento em tecnologias para irrigação por gotejamento, que beneficia a longevidade da cana; melhorias na mecanização e nas estradas que levam às usinas; e também a geração de mais empregos no setor, com a manutenção do funcionamento das usinas e reativação das que estão paradas.

Na solenidade de instauração da frente, o presidente do Sindaçúcar-PE, Renato Cunha destacou a importância da parceria com os representantes do poder público. “Nós entendemos que é uma iniciativa construtiva e bastante oportuna para a longevidade e a manutenção dos empregos em Pernambuco. Uma iniciativa que poderá ampliar caminhos para o setor no Estado”, explicou.

Também estiveram presentes na ocasião outros representantes do setor, como o superintendente do Sindaçúcar-PE, Marcelo Guerra, e o vice-presidente da Associação dos Fornecedores de Cana em Pernambuco, Paulo Giovani.

 

 


Fonte: Folha de Pernambuco