Clipping

CASE Construction Equipment cria oportunidades com a mecanização das lavouras de cana

Alinhada às demandas e necessidades dos produtores rurais, a CASE Construction Equipment oferece soluções que colaboram para uma maior produtividade e eficiência nas lavouras e usinas. Com isso, cria oportunidades de mercado com a mecanização do setor sucroenergético. A cana-de-açúcar representa um importante ramo utilizador de máquinas de construção. Por isso, a marca tem soluções com aplicações específicas na área agrícola, garantindo maior agilidade nos processos de cultivo e expressivos ganhos de produtividade.

Muito comum na cultura da cana de açúcar, equipamentos como a pá-carregadeira 721E versão canavieira, motoniveladora 865B, escavadeira hidráulica CX220C Série 2 e retroescavadeira 580N são amplamente utilizados nas fazendas e usinas. Essas máquinas são adotadas na agricultura para carregamento, transporte e espalhamento de materiais, abastecimento de fornos de carvão, entre outras aplicações.

Segundo o gerente comercial da CASE Construction Equipment, Carlos França, a versatilidade das máquinas de construção faz com que elas se tornem essenciais em diversos segmentos. “E, para o setor de cana-de-açúcar, elas agregam agilidade, segurança e eficiência”, afirma.
No agronegócio, as aplicações das máquinas de construção vão além dos serviços de infraestrutura. Elas operam nas estradas que levam às fazendas, nos processos de carregamento, no preparo do solo e também na área produtiva.

Pá-carregadeira versão canavieira
A CASE foi a primeira marca a desenvolver uma pá-carregadeira versão canavieira para operar o bagaço da cana com maior segurança, menos paradas e aumento da produtividade. A pá-carregadeira 721E é equipada com motor CASE / FPT Industrial de 195 hp, com certificação MAR I / Tier 3, que proporciona maior desempenho e economia de combustível. Tem três curvas de potência e quatro modos de trabalho, que permitem utilizar a potência mais adequada ao tipo de aplicação.

Um dos diferenciais do modelo em relação à concorrência é o sistema de hélice reversível e de arrefecimento chamado Cooling Box, pré-filtro ciclônico na entrada do motor e no ar-condicionado para melhor eficiência do sistema e evitar entupimentos, caçamba dimensionada para a movimentação de bagaço de cana e chassi com aberturas para evitar acúmulo de material.

Retroescavadeira
Líder de vendas, a retroescavadeira 580N é usada em todos os segmentos, inclusive no agronegócio. A máquina atua nas operações de drenagem de áreas, construção de curvas-de-nível e abertura de valas e valetas. Além disso, tanto a retroescavadeira quanto as minicarregadeiras e as pás-carregadeiras são bastante utilizadas na manutenção das fazendas e manuseio de insumos, da colheita e do bagaço da cana.

Motoniveladora
O modelo de motoniveladoras 865B é usada na melhoria da infraestrutura do meio rural, ajudando a manter em bom estado as estradas vicinais das cidades por onde escoa a produção dos agricultores. Também é muito aplicada em fazendas e usinas para abertura de acesso em áreas de cultivo de cana de açúcar, preparação do solo e curvas de nível.

Escavadeira hidráulica
As escavadeiras hidráulicas na faixa de 20 toneladas detêm a metade do mercado brasileiro no segmento pela versatilidade. A CX220C Série 2, de 22.145 kg e motor CASE/FPT de 147,8 hp, contam com desempenho e produtividade satisfatórios, operando tanto em serviços leves quanto em minerações e escavações de médio porte. O modelo tem lanças, braços e opções de caçambas heavy duty, para serviços pesados, que asseguram maior durabilidade desses implementos. O sistema hidráulico proporciona melhor distribuição da vazão das bombas nos movimentos combinados.


Fonte: CNH Press