Clipping

Chuvas de monções na Índia devem ser suficientes para a agricultura

As chuvas de monções na Índia, cruciais para agricultores que não têm condições de irrigar suas lavouras, devem vir dentro da média de longo prazo este ano, informou o Departamento Meteorológico do país nesta segunda-feira. O período de monções dura três meses e é quando o país recebe 75% das chuvas do ano inteiro.

Segundo o departamento, as chuvas de verão devem atingir 97% da média dos últimos 50 anos. Precipitações entre 96% e 104% da média são consideradas normais. Já índices abaixo de 90% configuram períodos de seca.

Em geral, as chuvas chegam no início de junho no Estado de Kerala, no sul da Índia, e se espalham pelo país até meados de julho.

Monções regulares são importantes para as safras de verão de produtos como o arroz, cana-de-açúcar, milho, algodão e soja. A agricultura representa cerca de 14% do Produto Interno Bruto (PIB) do país e mais da metade do emprego.

Apesar da previsão de que as monções sejam normais, os preços das commodities podem ficar mais altos: no orçamento nacional divulgado em fevereiro, Nova Délhi indicou que planeja elevar os preços mínimos para cobrir 1,5 vez os custos incorridos pelos agricultores. Fonte: Dow Jones Newswires.


Fonte: Estadão Conteúdo