Clipping

Cobradores à porta da Itamarati

Os credores das empresas do saudoso Olacyr de Moraes estão com a faca entre os dentes após o anúncio da venda da fazenda Itamarati Norte para o Grupo Amaggi. Os herdeiros do antigo Rei da Soja embolsaram uma bolada de R$ 2,2 bilhões pela propriedade de 105 mil hectares no Mato Grosso.

Dá para cobrir com sobras as dívidas da Usina Itamarati – também pertencente aos sucessores de Moraes –, que estaria na casa de R$ 1 bilhão. Nos últimos anos, a família vem quitando antigos débitos deixados pelo patriarca na base do conta-gotas.

Em abril do ano passado, por exemplo, uma fazenda menor dos Moraes, também no Mato Grosso, foi leiloada para o pagamento de dívidas com a norte-americana John Deere (Relatório Reservado, 15/1/18)


Fonte: Relatório Reservado - retirado do site BrasilAgro