Clipping

Colheita de cana deve acabar antes do previsto em São Paulo

As colheitadeiras não param desde o início da safra, em abril, no estado de São Paulo. Mas este ano, o trabalho deve terminar quase dois meses antes do previsto, que era dezembro. O motivo é a longa estiagem no primeiro semestre. Com falta de água, a cana não se desenvolveu bem.

Em 6.500 hectares de uma fazenda em Pederneiras, a produção deveria ser de 500 mil toneladas. Mas em uma parte da lavoura as máquinas nem vão entrar, porque a cana, que iria para uma usina, não vai chegar ao tamanho mínimo para a colheita.

O estado de São Paulo produz cerca de 350 milhões de toneladas de cana por ano. Na região de Bauru foram colhidas na safra passada 20 milhões de tonelada. Esse ano a queda na produção deve chegar a 20% e a próxima safra também pode ser afetada.

Em algumas lavouras, o desenvolvimento da cana está atrasado. Muitas plantas já deveriam estar com quase meio metro, mas só agora os brotos saíram.

Por Ariane Flores


Fonte: Portal G1