Clipping

Comissão debate medidas contra vilanização de alimentos

As preocupações do setor agrícola e alimentício sobre o processo de vilanização de alguns produtos e alimentos foram apresentadas ao deputado Evandro Roman (PSD/PR), na manhã desta quinta-feira (21), durante a primeira reunião de 2019 da Comissão de Alimentação e Saúde do Instituto Pensar Agro (IPA).

Coordenada pelo diretor-executivo da União da Indústria de Cana de Açúcar (UNICA), Eduardo Leão, a Comissão também discutiu a agenda de trabalho para este ano.

Para o executivo da UNICA, é fundamental garantir maior equilíbrio nessa discussão. “O aumento de doenças crônicas não transmissíveis, como a obesidade, diabetes e doenças cardiovasculares, é seguramente um problema atual e que preocupa toda a sociedade. O problema é que se não entendermos e trabalharmos adequadamente sobre as suas causas dificilmente teremos uma solução duradoura”, ponderou Leão.

Segundo o diretor, a ciência mostra que as razões desses processos não são o consumo de alimentos específicos, mas de um processo multifatorial, que envolve a falta de atividade física, sono reparador, lazer, entre outros. “A solução reside na educação e no equilíbrio”, afirmou.

ALINHAMENTO

O deputado Evandro Roman demonstrou alinhamento com a agenda e pretende levar o debate ao Congresso Nacional por meio da Frente Parlamentar da Alimentação e Saúde, que deverá ser lançada em abril, e contará com a participação de representantes de diversos setores alinhados ao tema.

“Precisamos mostrar a importância de uma educação alimentar nas escolas. As crianças precisam crescer conhecendo a composição dos alimentos, praticar atividade física e entender todo esse processo. Não existe um vilão”, ressaltou o parlamentar.

 

 

 


Fonte: UNICA