Clipping

Contratos futuros do açúcar branco e demerara valorizam nas bolsas internacionais

Postado em 25 de Outubro de 2019

Os contratos futuros do açúcar se valorizaram nesta quinta-feira (24) nas bolsas internacionais. Na bolsa de Nova York, o lote com vencimento para março/20 foi firmado em 12.30 centavos de dólar por libra-peso, alta de 15 pontos. Os contratos para maio/20 fecharam em 12.38 centavos de dólar por libra-peso, valorização de 14 pontos. Os demais lotes subiram entre 12 e 14 pontos.

Em Londres, os contratos para dezembro/19 encerraram o dia em US$ 335,50 a tonelada, alta de 1,80 dólar. Os contratos para março/20 valorizaram 1,60 dólar e fecharam cotados em US$ 332,80 a tonelada. Os demais vencimentos do açúcar branco subiram entre 1,80 e 2,70 dólares.

Ontem, a Unica - União da Indústria da Cana-de-açúcar atualizou os dados da safra 2019/20 de cana-de-açúcar da região Centro-Sul. De acordo com a entidade, a produção de açúcar cresceu na primeira metade de outubro deste ano e atingiu 1,91 milhão de toneladas, contra 1,12 milhão de toneladas em idêntica quinzena do ano anterior. Nesse período, 34,65% da cana-de-açúcar foi destinada à produção de açúcar, ante 32,30% observados nos primeiros 15 dias de outubro de 2018.

Mercado doméstico

Em São Paulo, os preços do açúcar registraram a segunda desvalorização consecutiva nesta quinta-feira. Segundo o indicador do Cepea/Esalq, da USP, a saca de 50 quilos do tipo cristal foi vendida a R$ 65,16, queda de 0,56% no comparativo com a véspera.

Etanol

O etanol hidratado registrou a quarta valorização consecutiva no mercado paulista, de acordo com o indicador diário da Esalq/BM&F. O biocombustível foi negociado ontem a R$ 1.891,00 o metro cúbico, alta de 0,40% no comparativo com a véspera.

 


Fonte: Folha de S. Paulo