Clipping

Crédito rural: BNDES reabre investimento para Moderfrota e mais 6 linhas

Postado em 4 de Junho de 2019

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) reabriu, na última sexta-feira, dia 31 de maio, a contratação de crédito para sete investimentos: Programa ABC, Inovagro, Moderagro, Moderfrota, Prodecoop, PCA e Pronaf Investimento.

O total de recursos destinados a essas linhas, dentro do Plano Safra 2018/2019, é de R$ 46,41 milhões, assim distribuídos: Programa ABC, R$ 9,99 milhões; Inovagro, R$ 1,46 milhão; Moderagro, R$ 922,8 mil; Moderfrota MPME, R$ 1,628 milhão; Prodecoop, R$ 6,35 milhões; PCA, R$ 8,59 milhões e Pronaf Investimento, R$ 17,45 milhões.

Contudo, o banco sinaliza, que somente serão acolhidas operações protocoladas por meio do Sistema BNDES Online. “As operações deverão ser protocoladas somente no dia sete de junho de 2019, de forma que as operações protocoladas antes ou após essa data serão automaticamente rejeitadas”, diz o texto do aviso, publicado no dia 31 de maio no site do BNDES.

Cortes de crédito 

Em 22 de maior, a pouco mais de um mês do término da safra 2018/2019, o BNDES, anunciou a suspensão dos pedidos de financiamento do Programa de Capitalização de Cooperativas Agropecuárias (Prodecoop). O motivo segundo o banco, foi o esgotamento dos recursos, dada a grande demanda na temporada que termina em 30 de junho.

O anúncio veio uma semana depois de o BNDES suspender outras linhas previstas no Plano Safra, também com recursos esgotados: o Programa de Incentivo à Irrigação e à Produção em Ambiente Protegido (Moderinfra), Programa para Construção e Ampliação de Armazéns (PCA) e Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf Investimento).

Mas no 28 de maio, foi anunciado que Bancos que operam a linha do Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp) com taxas de juros prefixadas já podiam novamente conceder empréstimos relativos a operações de investimento dentro do ciclo 2018/2019.


Fonte: Estadão Conteúdo