Clipping

CropEnergies espera maior demanda por etanol na UE com relaxamento de lockdowns

Postado em 9 de Julho de 2020

A alemã CropEnergies, uma das maiores produtoras de etanol da Europa, disse nesta quarta-feira que a demanda pelo produto deve se recuperar em meio à flexibilização dos “lockdowns” para combate do coronavírus na região, o que deve permitir que mais pessoas utilizem seus automóveis.

A empresa também afirmou ter elevado de forma significativa a produção de etanol para desinfetantes, já que a demanda por combustíveis colapsou depois que as medidas de isolamento foram impostas.

“A CropEnergies espera ver uma melhora no segundo trimestre em comparação com o primeiro, à medida que as restrições de operação e mobilidade impostas desde meados de março de 2020 são flexibilizadas em cada vez mais países”, disse a companhia. “Isso deve ocorrer em linha com um aumento na demanda por combustíveis.”

A Alemanha e outros países da União Europeia exigem que biocombustíveis, incluindo o etanol, sejam misturados à gasolina para reduzir os níveis de poluição –dessa forma, as quedas nas vendas de combustíveis automaticamente reduzem a demanda por etanol.

“A CropEnergies expandiu a produção de etanol próprio para desinfetantes e contribuiu para que as lacunas de oferta fossem fechadas durante a pandemia de coronavírus”, afirmou a empresa.

A CropEnergies é uma unidade da produtora de açúcar alemã Suedzucker.

(Reportagem de Michael Hogan)


Fonte: Reuters - retirado do Portal Mix Vale