Clipping

Diana Bioenergia inicia nova temporada com perspectiva de moer 1,4 mi/ton de cana

A Diana Bioenergia, localizada em Avanhandava/SP, iniciou a moagem de cana da safra 2018/19 na última sexta-feira (16), com perspectivas de processar cerca de 1,4 milhão de toneladas de cana-de-açúcar na atual temporada. Para celebrar a data a usina reuniu seus mais de 750 colaboradores para um culto ecumênico, onde pediu proteção para a safra que começa, sem nenhum acidente ou incidente.

"Nossa ideia é processarmos cana até o final de novembro. Este ano estamos dando um passo atrás, para voltarmos a crescer nas próximas safras", explicou o CEO da Diana Bioenergia, Ricardo Junqueira.

Dentro do processo de enxugamento implementado pela Diana está o processamento de apenas cana própria nesta temporada, por isso, uma linha de moagem foi desativada neste início de temporada. "Estamos começando com apenas uma linha de moagem, onde conseguiremos manter, neste início de safra, um mix de cerca de 70% da cana direcionada para a produção de etanol. Mais para o meio do ano, com um ATR melhor, colocaremos a segunda linha de moagem em funcionamento e aí devemos fechar o mix total com 60% da cana direcionada para a produção de etanol e 40% para a produção de açúcar", destacou Junqueira.

No ano passado o mix da companhia oscilou em quase 65% da cana dirigida para a produção de açúcar, contra 35% para o etanol. Os cortes também ocorreram no pessoal, a Diana inicia a safra com cerca de 750 colaboradores, contra 1.050 da temporada passada.


Fonte: Agência Udop de Notícias