Clipping

Entrega de adubo cai 6% em janeiro

A expectativa no curto e médio prazo é de baixa movimentação no mercado de fertilizantes, com demanda basicamente para setor sucroalcooleiro

As entregas de adubos no Brasil totalizaram 2,44 milhões de toneladas em janeiro deste ano, segundo a Associação Nacional para difusão de Adubos (Anda). O volume caiu 6,4% em relação ao mesmo mês do ano passado, quando foram entregues 2,61 milhões de toneladas de fertilizantes, recorde para o mês.

A Scot Consultoria enfatiza que em 2017 o mercado teve uma demanda maior nos primeiros meses, principalmente para atender o aumento da área semeada de milho na segunda safra  2016/2017.

Do lado da produção nacional, houve queda de 2,4% no volume em janeiro deste ano, frente a igual período do ano passado. Já as importações caíram 25,1% no mesmo período.

Tendência 
No curto e médio prazos, a expectativa é de baixa movimentação no mercado de fertilizantes, com demanda basicamente para setor sucroalcooleiro. A partir de abril e maio espera-se maior negociação, já considerando as compras para a próxima safra 2018/2019.

Até lá não estão descartadas quedas nas cotações dos fertilizantes no mercado interno, dependendo do dólar e do cenário de preços de adubos no mercado internacional. No caso do câmbio, houve grandes oscilações nos dois primeiros meses de 2018, o que impactou diretamente o mercado de adubos. No mercado internacional, o quadro é de uma oferta mais ajustada e preços firmes desde meados de 2017.


Fonte: Canal Rural