Clipping

Etanol perde na competitividade para gasolina em todos estados, diz ANP

Postado em 17 de Março de 2021

Segundo levantamento da ANP, o preço do etanol ao consumidor ficou em R$ 4,121 o litro na semana de 07 a 13 de março, ante R$ 3,898

Os preços médios do etanol hidratado e da gasolina ficaram mais caros na última semana no varejo brasileiro. A gasolina, mesmo em alta, é mais vantajosa que o biocombustível em todos os estados do país.

Segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o preço do etanol ao consumidor ficou em R$ 4,121 o litro na semana de 07 a 13 de março, ante R$ 3,898 o litro na semana anterior (28 de fevereiro a 06 de março), o que representa um aumento de 5,7%.

Na semana passada, o estado do Rio Grande do Sul teve em média o etanol mais caro do País: R$ 5,303 por litro. O preço máximo entre os estados brasileiros para o etanol foi verificado também no Rio Grande do Sul: R$ 6,159 o litro. Já em São Paulo, principal estado produtor de etanol do Brasil, o preço médio do biocombustível ficou em R$ 3,949 o litro, ante R$ 3,775 (+4,6%) o litro na última semana. O etanol em média mais barato no Brasil foi registrado no estado do Mato Grosso, com média de R$ 3,872 o litro.

Já o preço médio da gasolina comum no país ficou em R$ 5,492 o litro, ante R$ 5,290 o litro da semana anterior (alta de 3,8%). O preço do etanol equivaleu a 75,8% do preço da gasolina em São Paulo na última semana

No Mato Grosso, a relação de paridade está em 70,5%. Em Goiás, a paridade ficou em 73,6%. Em Mato Grosso do Sul em 75,5% e em Minas Gerais em 73,8%. Considera-se o etanol mais vantajoso que a gasolina quando a relação de paridade entre os preços está abaixo de 70%.

 


Fonte: Agência Safras - retirado do Portal Canal Rural