Clipping

Exportação de biodiesel da Indonésia deve crescer em "cenário otimista", diz associação

A Associação de Produtores de Biodiesel da Indonésia (Aprobi) estima que o país possa exportar até 2 milhões de quilolitros (kl) de biodiesel não misturado em 2019, em um "cenário otimista", disse o vice-presidente da entidade, Paulus Tjakrawan, nesta quinta-feira.

Em um "cenário pessimista", ele disse que os embarques de biodiesel neste ano figurariam em cerca de 1 milhão a 1,2 milhão de kl. No ano passado, as exportações do produto foram de 1,78 milhão kl.

O "cenário pessimista" leva em consideração o estabelecimento de direitos compensatórios pela União Europeia ao biodiesel indonésio neste ano, disse Tjakrawan, após a UE lançar uma investigação antissubsídio sobre o biocombustível do país no final de 2018.

A Indonésia retomou as exportações de biodiesel para a Europa no início deste ano, após a Organização Mundial do Comércio (OMC) ter decidido a seu favor em diversas contestações que Jacarta realizou sobre direitos antissubsídio impostos anteriormente pela UE sobre seus embarques do produto.

No primeiro trimestre deste ano, as exportações totais de biodiesel da Indonésia somaram 173.542 kl, mostraram dados da associação, uma alta de 78 por cento em relação a igual período do ano anterior. Os embarques foram, em sua maioria, direcionados a UE e China.


Fonte: Reuters - Texto extraído do portal Ubrabio