Clipping

Governo paulista busca ampliar parcerias com o México

O governador Geraldo Alckmin recebeu nesta quarta-feira (27) o embaixador mexicano no Brasil, Salvador Arriola, em um encontro no Palácio dos Bandeirantes com o objetivo de ampliar parcerias entre o país latino-americano e o Estado de São Paulo.

A reunião teve presença do secretário estadual da Educação, José Renato Nalini, da cônsul-geral do México em São Paulo, Margarita Pérez Villaseñor, e da chefe da Assessoria Especial para Assuntos Internacionais (AEAI) Ana Paula Fava.

Na ocasião, Alckmin convidou o presidente mexicano Enrique Peña para participar da versão latino-americana do Fórum Econômico Mundial (WEF, sigla em inglês), que acontece em São Paulo em março de 2018.

Após a audiência com o embaixador, Alckmin também conversou com os alunos e professores beneficiados pelo programa de visitas ao México, que promove intercâmbio entre estudantes das duas regiões.

Desde 2002, a Escola Estadual de Primeiro Grau México (EEPG) participa do Conselho de Promoção Turística do México e Câmara Mexicana. Atualmente, o Consulado-Geral do México em São Paulo e a EEPG são parceiros nos programas “Concurso de melhor aproveitamento do sexto ano”, “Concurso de pintura infantil” e “Curso de atualização para professores”.  Os vencedores dos concursos, alunos e professores, visitam o México por uma semana com todas as despesas pagas.

Em 2013, a EEPG foi integrada ao programa Escolas México da Agência Mexicana de Cooperação, que visa fortalecer as escolas públicas que levam o nome do México por meio de incentivos para estudantes e professores que melhorarem o rendimento acadêmico, além de estreitar os laços entre México e a região local. Atualmente, 147 escolas participam do programa.

O consulado mexicano também trabalha um projeto com a secretaria estadual da Educação para tornar a EEPG México um modelo de cooperação internacional. Em 1970, a escola Vila Joaniza, fundado em 1963, adotou o nome de Escola Estadual de Primeiro Grau México, como homenagem à participação do Brasil no mundial realizado no México naquele ano.

Acordos
São Paulo e México têm quatro acordos de cooperação assinados, com foco nos setores de educação e agricultura. O último documento foi assinado durante a Agrishow, em abril de 2015, pelo secretário da Agricultura Arnaldo Jardim e a então embaixadora do México no Brasil Beatriz Elena Paredes Rangel.
Pelo acordo, ainda em vigor, estão previstos o intercâmbio de experiências em pesquisas e produção agrícola, a capacitação técnica por meio de treinamentos específicos e em cursos de pós-graduação e a promoção de parcerias para aprimorar os sistemas produtivos, principalmente da cana-de açúcar, para as regiões de clima tropical do México.


Fonte: Portal do Governo