Clipping

Jarbas Vasconcelos critica decisão do governo sobre importação de etanol dos EUA

Postado em 27 de Setembro de 2019

Governo renovou cota por um ano e ampliou limite de 600 milhões para 750 milhões de litros

O senador Jarbas Vasconcelos (MDB-PE) criticou nesta quarta-feira (25), em Plenário, a decisão do governo federal que autorizou, por decreto, o aumento na cota para importação de etanol isento de tarifas, que deve beneficiar principalmente o etanol de milho dos Estados Unidos.

Na opinião do senador, essa medida é "insensível e irresponsável", pois prejudicaria a economia de vários estados produtores de cana-de-açúcar, principalmente o seu estado, Pernambuco.

De acordo com o senador, a decisão do governo é equivocada e injusta com os produtores e com os trabalhadores do setor sucroalcooleiro da região Nordeste. Para o parlamentar, essa atitude trará enormes prejuízos econômicos e sociais.

Jarbas informou ainda que o governo brasileiro permitiu a entrada de 750 milhões de litros de etanol, justamente no período de safra do produto. Tal medida leva a uma concorrência desleal com os produtores brasileiros, que nos últimos anos investiram em modernização, melhorando a competitividade, tornando-se referência em eficiência produtiva, declarou.

“Atualmente, são cerca de 60 usinas que empregam diretamente 300 mil trabalhadores e produzem mais de dois bilhões de litros de etanol por ano. É essa produção e são esses empregos que estão agora ameaçados por conta da decisão de privilegiar a importação ao invés de fortalecer a nossa economia”, defendeu.

 


Fonte: Agência Senado