Clipping

Lucro líquido da AGCO aumenta 51,7% no 3º tri para US$ 60,7 milhões

A AGCO, fabricante norte-americana de máquinas agrícolas, registrou lucro líquido de US$ 60,7 milhões, ou US$ 0,76 por ação, no terceiro trimestre de 2017. O resultado representa aumento de 51,7% ante igual período do ano passado, quando a empresa teve lucro de US$ 40 milhões, ou US$ 0,50 por ação. As vendas líquidas atingiram US$ 1,986 bilhão, alta de 12,77% em igual intervalo avaliado.
 
O desempenho positivo de vendas foi impulsionado pela comercialização de produtos na Europa e Oriente Médio, que cresceu 15,17% no terceiro trimestre, para US$ 1,017 bilhão. Na sequência, o principal mercado foi a América do Norte, com avanço de 6,73%, para US$ 483,5 milhões. A América do Sul respondeu por US$ 273,5 milhões das vendas, elevação de 4,46%, enquanto a região composta por Ásia Pacífico e África reportou vendas de US$ 211,6 milhões, ganhos de 29,41% no comparativo anual.
 
Em comunicado, a AGCO destaca que as vendas mais elevadas na Alemanha, Reino Unido e Europa Oriental foram parcialmente compensadas pelas quedas de comercialização na França.
 
“A AGCO apresentou sólidos resultados de vendas e ganhos no terceiro trimestre, enquanto continuava a fazer investimentos estratégicos em novas tecnologias, aprimoramentos de produtividade e desenvolvimento de novos mercados”, afirma o presidente e CEO da companhia, Martin Richenhagen, ao destacar aquisições como Precision Planting, para monitoramento de plantio, e a Divisão de Forrageira do Grupo Lely. “Produzimos crescimento nas vendas e melhora na margem operacional em todas as regiões, mesmo com a demanda do mercado permanecendo em baixos níveis. O crescimento a longo prazo continua a ser um foco”, acrescenta o executivo.

Fonte: Estadão Conteúdo