Clipping

Moagem de cana da São Martinho sobe 6,8% no trimestre; lucro dispara

A moagem de cana-de-açúcar pela São Martinho, um dos maiores grupos do setor sucroalcooleiro do Brasil, totalizou 8,7 milhões de toneladas no primeiro trimestre do ano-safra 2017/18, aumento de 6,8 por cento ante o mesmo período da temporada anterior, informou a empresa nesta segunda-feira.

Em meio ao aumento da produção e maiores preços de açúcar, o lucro líquido no período somou 116,873 milhões de reais, alta de 194,6 por cento ante o mesmo período do ano anterior.

O volume de cana moída representou 39 por cento do total estimado para a temporada, "apesar do forte volume de chuvas observado no início da safra", segundo a São Martinho.

"A combinação da maior quantidade de cana processada neste trimestre com a melhora em 2,2 por cento no ATR (Açúcar Total Recuperável) médio (kgs/ton) representou um aumento de 9 por cento no volume total de ATR produzido no trimestre", destacou a São Martinho.

"Esse efeito positivo em nossa produção reflete melhores condições climáticas no período, além da consolidação integral da Boa Vista em nossos resultados", acrescentou a empresa, em relatório sobre o balanço financeiro do período.

A produção de açúcar da São Martinho somou 504 mil toneladas, aumento de 5,1 por cento na comparação anual, enquanto a fabricação de etanol anidro atingiu 159 milhões de litros (+3,2 por cento) e a de hidratado 170 milhões de litros (+24,7 por cento).

A companhia reportou ainda aumento de 22,3 por cento na receita líquida no período, para 867,9 milhões de reais.

A melhora do resultado reflete, principalmente, maior volume de vendas de açúcar (+13,0 por cento), com melhor preço de comercialização (+26,2 por cento) e maior volume de vendas de energia (+12,9 por cento), reflexo da incorporação da Usina Boa Vista, disse a empresa.

A receita líquida das vendas de açúcar totalizou 552,7 milhões de reais, um aumento de 42,7 por cento em relação ao mesmo período da safra anterior.
 
(Por Roberto Samora)


Fonte: Reuters