Clipping

Novo ciclo de expansão do setor ocorrerá em ritmo moderado

Crescimento da atividade sucroenergética será um dos temas da palestra de Tarcilo Rodrigues, da Bioagência, que faz parte da programação do 16º Seminário de Produtividade e Redução de Custos  
 
As unidades sucroenergéticas precisarão aumentar novamente a produção de etanol para atender a elevação da demanda devido às mudanças que estão ocorrendo no mercado de combustíveis.
 
Essa avaliação é do diretor da Bioagência, Tarcilo Rodrigues, que será um dos palestrantes do 16º Seminário de Produtividade e Redução de Custos, programado para os dias 6 e 7 de dezembro, em Ribeirão Preto, SP. O evento é uma realização do Grupo IDEA.
 
Segundo este executivo, o aumento da alíquota do PIS/Cofins para combustíveis – que melhorou a competitividade do etanol – e a nova política de preços da Petrobras já causaram impacto no mercado. Além disso, o RenovaBio vai criar condições mais favoráveis para a participação do etanol no ciclo Otto.
 
“A situação é bastante positiva. Mas, é um desafio enorme”, ressalta. Para Tarcilo Rodrigues, não vai ser tão simples ampliar a capacidade de produção, porque o setor ainda está bastante “machucado” em consequência dos resultados dos investimentos durante o recente ciclo de expansão da atividade sucroenergética, que não foram tão favoráveis conforme estava previsto inicialmente.            
 
“Tudo será feito, agora, de maneira bem mais parcimoniosa. Não vai ser naquela velocidade, nem naquela euforia anterior. O mercado precisará se adaptar a esse novo ritmo. As usinas estão bem carregadas de dívidas. O processo vai ser mais lento”, acredita.
 
De acordo com o diretor da Bioagência, o setor terá que administrar uma situação bastante desafiadora, pois a demanda do etanol continuará em alta. “Haverá necessidade de abastecer o país. Existe hoje algo contundente neste sentido. Ao mesmo tempo temos que atender a demanda de açúcar. O Brasil tem uma participação grande neste mercado”, afirma.
 
Esses desafios serão abordados e debatidos no seminário do Grupo IDEA. Em sua palestra, Tarcilo Rodrigues vai falar também sobre as novidades que estão ocorrendo, no curto prazo, no mercado sucroenergético.
 
“Esse momento de mudança de perfil da produção de açúcar para etanol é bastante peculiar. A questão do PIS/COFINS já teve grande influência nisto. É um fato muito importante, que acaba impactando os dois mercados”, comenta.

Segundo ele, com os efeitos na formação do preço da gasolina provocados pelo PIS/COFINS, os mercados estão reagindo e permitindo uma alteração no mix. “No curto prazo, há o impacto dessa mudança. É um sinal que está sendo dado para o mercado mundial de açúcar, que tem superávit no momento. O Brasil vai fazer a parte dele e reduzir a oferta do produto”, diz.

Tarcilo Rodrigues considera positiva a nova política de preços da Petrobras. “O pior cenário é aquele que não se tem ideia do que vai acontecer. O setor está acostumado a trabalhar com adversidades. Momentos bons e ruins fazem parte do dia a dia das commodities”, observa.
 
Na opinião dele, é preferível ter uma situação definida, com regra que estabelece onde o preço vai chegar, do que uma situação em que a decisão fica dependente de poucas pessoas. “É muito melhor ter previsibilidade. O setor sabe participar desse jogo, porque o mercado de açúcar é assim: tem as oscilações para cima e para baixo. É preciso se adaptar ao preço ruim, proteger os preços bons e estar sempre atento aos movimentos”, afirma.
 
A palestra de Tarcilo Rodrigues será um dos destaques da programação do 16º Seminário de Produtividade e Redução de Custos – disponível no link http://www.ideaonline.com.br/evento-sobre/16-produtividade-e-reducao-de-custos-da-agroindustria-canavieira , que vai reunir renomados profissionais que atuam na cadeia produtiva do setor sucroenergético.
 
Serviço:

16º Seminário de Produtividade & Redução de Custos da Agroindústria Canavieira

Data: 06 a 07 de dezembro de 2017

Local: Centro de Convenções Ribeirão Preto

Endereço: Rua Bernardino de Campos, 999 – Centro – Ribeirão Preto - SP

Mais informações: (16) 3211-4770 - (16) 99711 4770 (whatsApp)

E-mail: eventos@ideaonline.com.br


Fonte: Assessoria