Clipping

PE: Usina divide parte do resultado da safra com mais cooperados

Postado em 31 de Julho de 2019

Além da cana paga com valor mais alto do que as demais usinas pernambucanas, dezenas de pequenos agricultores cooperados da usina no município de Timbaúba receberão nesta quinta-feira mais R$ 1 por cada tonelada de cana de açúcar fornecida na última safra. A nova moagem deve iniciar no próximo dia 19 e deve ter a presença do governador. 

Na quinta-feira (1º), no clube da usina Coaf, antiga Cruangi em Timbaúba, será realizado o 3º encontro dos fornecedores de cana cooperativados da unidade industrial. O evento, que abordará sobre novas tecnologias para o setor canavieiro, assim como aconteceu nas edições anteriores, servirá também para distribuição de sobras financeiras da última safra da unidade com os pequenos produtores cooperados da Coaf, que é uma cooperativa da Associação dos Fornecedores de Cana de Pernambuco (AFCP). 

“As sobras começaram a ser distribuídas há alguns meses, aprovadas na assembleia dos cooperativados. Estaremos entregando para aqueles que ainda não receberam. A maioria são de pequenos agricultores. Ao todo, a usina Coaf tem cerca de 450 cooperados da Zona da Mata Norte do Estado”, conta Alexandre Andrade Lima, presidente da Feplana, AFCP e da Coaf. 

A cooperativa arrendou e reativou a usina Cruangi na safra 2015/2016. E, desde então, restabeleceu e mantém cerca de 3,8 mil postos de trabalho no parque fabril e nos canaviais dos agricultores envolvidos na atividade. Nas últimas safras, a Coaf tem sido a usina pernambucana que paga ao agricultor a cana com maior valor de ATR, indicador de qualidade e preço. 

A Coaf arrendou a usina até o começo da década de 2040. “O governador Paulo Câmara tem apoiado a iniciativa desde o início”, diz Andrade Lima. O gestor sancionou uma lei onde garante um crédito presumido adicional no ICMS do etanol produzido por usinas cooperativadas por canavieiros, a exemplo da Coaf e da Agrocan, outra cooperativa que reativou a usina Pumaty, em Joaquim Nabuco, na Zona da Mata Sul de Pernambuco. Na abertura da moagem dessas usinas, o governador costuma comparecer. Lima adianta que o início da nova safra na Coaf deve ser no próximo dia 19, se a chuva parar; se ocorrer, o governador já garantiu que participará.

 


Fonte: Alexandre Andrade Lima, Pres. COAF/AFCP