Clipping

Petrobras baixa preço, mas gasolina no posto bate novo recorde

Redução do valor nas refinarias ainda não chegou ao consumidor. Preço médio do litro do combustível atingiu 4,696 reais

O preço da gasolina bateu, na última semana, mais um recorde de preços altos. Esta é a terceira semana consecutiva que o combustível estabelece uma nova máxima. Segundo relatório divulgado, nesta segunda-feira, pela Agência Nacional do Petróleo (ANP), o preço médio do litro da gasolina no país está 4,696 reais.

Há uma semana, este valor era de 4,652. Antes dessa sequência de recordes, a máxima histórica alcançada pelo combustível havia sido em junho, como reflexo da greve dos caminhoneiros.

Na última semana, a Petrobras reduziu o preço da gasolina cobrado nas refinarias. Na terça-feira, o valor foi reduzido de 2,2514 reais para 2,2381 reais por litro.

Depois, na sexta, 28, caiu para 2,2159 reais por litro. Isso cria a expectativa de arrefecimento dos valores médios cobrados pelos postos de combustíveis.

 

Por Machado da Costa


Fonte: Veja Online