Clipping

Petróleo escorrega abaixo dos US$ 40 e ameaça o etanol se assim virar a semana

Postado em 2 de Outubro de 2020

Esta sexta (2) será dia de cruzamento das tendências para a gasolina e o etanol para a próxima semana. O mercado deverá acompanhar o fechamento do renovável nestes dias, especialmente se teve aumento na indústria, enquanto o petróleo amplifica outro dia de queda para mínimas abaixo dos US$ 40 o barril.

O aumento do combustível de petróleo, em 5% na quarta, somado aos 4% da semana anterior, está sob risco de ser devolvido pela Petrobras (PETR3; PETR4).

O petróleo perdeu mais US$ 2 ontem, saindo dos US$ 42 em Londres no dia anterior, e ainda vai refletindo as apreensões quanto à desaceleração da criação de vagas e os impasses quanto a um novo pacote de ajuda à economia. E novos casos de covid em países centrais da Europa e Ásia. A Opep também pretende ampliar oferta contra a demanda ainda mais sob risco. 

Está em queda em torno dos 3,30%, a US$ 39,50, por volta das 9h15 (Brasília).

O etanol hidratado começou os trabalhos na segunda em alta de 3,83% na usina, pelos dados do Cepea/Esalq, pela demanda mais positiva das distribuidoras prevendo a menor competividade da gasolina, que acabou consolidada no segundo aumento há dois dias.

 


Fonte: Money Times