Clipping

Piquet deixará chefia de açúcar da Glencore no Brasil

Postado em 5 de Novembro de 2019

(Bloomberg) -- O chefe da área de açúcar no Brasil da Glencore deve deixar o cargo depois de 27 anos na empresa, segundo pessoas familiarizadas com o assunto.

Claudio Piquet deixará a maior operadora de commodities do mundo no final do mês, disseram as pessoas, que pediram para não serem identificadas porque a saída não foi anunciada publicamente. Seu posto está sendo assumido por Vincent ​​​​​​​Bakx, gerente comercial da Glencore para açúcar e etanol no Brasil, e Celso Bermejo, principal executivo no Brasil, disseram as pessoas.

Um porta-voz da unidade agrícola da Glencore confirmou as mudanças.

A unidade está passando por mudanças desde que a empresa, liderada pelo bilionário Ivan Glasenberg, vendeu 49% dos negócios para a Canada Pension Plan Investment Board e a British Columbia Investment Management Corp. No início deste ano, a empresa nomeou David Mattiske como CEO da Glencore Agriculture, em substituição a Chris Mahoney, enquanto o chefe de comércio de algodão Colin Iles adicionou o setor de açúcar às suas responsabilidades.

As empresas que negociam açúcar têm lutado para ganhar dinheiro com os anos de queda de preços e aumento no número de empresas concorrentes. O açúcar é apenas uma pequena parte dos negócios agrícolas da Glencore. A empresa é mais conhecida por negociar nos mercados globais de grãos.

Piquet continuará sendo um membro do conselho da Ale Combustiveis, distribuidora de combustível controlada pela Glencore, disseram as pessoas.

 


Fonte: Bloomberg