Clipping

Porto de Paranaguá (PR) tem operações impactadas após fortes ventos

Postado em 1 de Julho de 2020

SÃO PAULO (Reuters) - O Porto de Paranaguá, segundo maior do Brasil para carregamentos de grãos e açúcar, informou nesta quarta-feira que está avaliando danos causados por um temporal e fortes ventos registrados na véspera.

A Portos do Paraná, autoridade portuária local, disse que dois equipamentos para carregamento de navios (shiploaders) foram deslocados pela força dos ventos.

Além disso, o fornecimento de energia foi afetado, e balanças nos portões de entrada estão funcionando com gerador próprio, acrescentou. Algumas esteiras de carregamento foram impactadas.

"Não houve feridos e os danos registrados até o momento foram apenas materiais... na faixa portuária, a equipe está in loco avaliando os estragos provocados", disse a autoridade portuária.

Os alertas para ventos fortes permanecem, e a Marinha do Brasil emitiu novo alerta de mau tempo para os Estados de Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Bahia, ainda segundo o comunicado.

A Portos do Paraná disse que não foram registradas avarias no píer público de infamáveis, bem como nas áreas privadas que operam líquidos.

A agência de navegação Williams disse em nota aos clientes que os fortes ventos causaram danos em alguns terminais, citando o terminal 203 de Paranaguá e o corredor de exportação 214.

A autoridade portuária afirmou que informará em novo comunicado quando tiver um relatório fechado sobre os danos causados pelos ventos.


Fonte: Reuters