Clipping

Queda de preços do açúcar no mercado internacional pode fazer com que safra brasileira registre recorde na produção de etanol

Postado em 11 de Agosto de 2019

Cotação do açúcar sobe no mercado internacional, mas é apenas um movimento de correção nos preços. Viés segue negativo.

Nessa sexta-feira (09), o açúcar na bolsa de Nova Iorque atingiu um novo patamar de preço, encerrando em US$ 11.9 cents/lb, o que representa um aumento de 4,11%. Para Matheus Costa, analista de mercado da FCStone, esse saldo positivo representa uma correção de mercado, já que as últimas sessões foram de queda nos preços. Para a safra 19/20, o déficit na produção de açúcar deve girar em torno de 5,9 milhões de toneladas. Apesar da oferta menor, os mercados compradores estão abastecidos e o preço deve seguir limitado, tentando atingir os US$ 12 cents/lb.

No entanto, ele disse que apesar do aumento, o valor atual do açúcar ainda não é competitivo o suficiente diante do etanol. No mercado interno os preços devem seguir o mesmo padrão internacional, com usinas dando preferência para o mix etanoleiro, que deve atingir um novo recorde de produção em 65,3%. A moagem da safra 19/20 deve ser de 583,3 milhões de toneladas, com a produção de açúcar sendo reduzida em 1,5%, o que representa 26,1 milhões de toneladas.

 


Fonte: Notícias Agrícolas