Clipping

Queda na produção eleva cotações do açúcar

Os contratos futuros do açúcar voltaram a subir nas bolsas internacionais nesta segunda-feira (12), após a Unica anunciar a atualização dos dados da safra 2018/2019. Em Nova York, os contratos para março/19 encerraram o dia em 12.94 centavos de dólar por libra-peso, alta de 21 pontos no comparativo com a sexta-feira (9). Os contratos para maio/19 fecharam em 13.08 centavos de dólar por libra-peso, valorização também de 21 pontos.

De acordo com o jornal Valor Econômico de hoje (13), a diminuição da produção de açúcar no Brasil elevou o preço futuro da commodity na bolsa de Nova York ontem. Ontem a Unica informou que a produção de açúcar na região Centro-Sul do Brasil caiu 49,4% na segunda quinzena de outubro, para 958 mil toneladas.

Em Londres também houve valorização. Os contratos para dezembro/18 foram firmados em US$ 345,90 a tonelada, valorização de 1,80 dólar. Na tela março/19 os papéis fecharam em US$ 349,60 a tonelada, alta de 3,90 dólares.

São Paulo

Nessa segunda-feira, o indicador Cepea/Esalq para o açúcar cristal, estado de São Paulo, fechou em R$ 67,00/saca de 50 kg, queda diária de 1,41%. No entanto, na variação mensal, até o momento, há valorização de 1,28%. 

Etanol

Pelo índice Esalq/BM&F o etanol hidratado fechou em baixa ontem, pelo 14º dia seguido. O metro cúbico do biocombustível foi vendido a R$ 1.712,50, queda de 0,38% no comparativo com a sexta-feira.

 

Por Rafaela Giomo


Fonte: Agência UDOP de Notícias