Clipping

Raphael Moura será o novo diretor-geral interino da ANP

Postado em 10 de Setembro de 2020

Raphael Moura, superintendente de Segurança Operacional e Meio Ambiente da ANP, passa a exercer o cargo de diretor-geral interino da Agência a partir de 14/9, em substituição a José Gutman, que ocupava a posição desde 28/3. Moura consta da lista de servidores para a substituição da diretoria colegiada da ANP aprovada pelo Decreto de 31 de janeiro de 2020, publicada no Diário Oficial da União de 31 de janeiro de 2020 - Edição Extra.

A ANP aguarda a aprovação, pelo Senado Federal, do novo diretor-geral da Agência, que ocupará a vaga deixada por Décio Oddone.

A convocação de Raphael Moura foi publicada hoje (10/9) no Diário Oficial da União (DOU), na Portaria 264 da ANP, de 9 de setembro de 2020.

Raphael Moura é Ph.D. em Engenharia pela Universidade de Liverpool e Mestre em Gerenciamento de Riscos pela Universidade de Cranfield, ambas na Inglaterra e tem MBA em Gestão de Empreendimentos, pela Fundação Getúlio Vargas, no Rio de Janeiro. É graduado em Engenharia de Produção com ênfase em Mecatrônica, pelo CEFET-RJ e pós-graduado em Sistemas Offshore, pela UFRJ.

Moura é servidor concursado da ANP, onde atua desde 2005. Exerceu diversas funções estratégicas e de liderança na Agência, como Chefe da Coordenadoria de Segurança Operacional, Superintendente de Infraestrutura e Movimentação, Assessor de Diretoria, e a mais recente, superintendente de Exploração e Superintendente de Segurança Operacional e Meio Ambiente.

É pesquisador honorário da Universidade de Liverpool-UK e editor (2020-2022) do periódico da Associação Americana de Engenheiros Mecânicos (ASCE-ASME Journal of Risk and Uncertainty in Engineering Systems Part B: Mechanical Engineering). É revisor acadêmico e autor de publicações técnicas em diversos periódicos científicos internacionais nas áreas de engenharia, riscos e incertezas.

Na iniciativa privada (1998 a 2005), atuou na elaboração e implementação de projetos de engenharia de aplicação civil e militar.


Fonte: ANP