Clipping

RenovaBio: ANP soma 140 pedidos de certificação para emissão de nota de eficiência energética

Postado em 10 de Outubro de 2019

A ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) informou na manhã desta quinta-feira (10), que ao todo, até a data de hoje, 140 usinas estão em processo de certificação junto à agência para a obtenção de suas notas de eficiência energética, passo necessário para a emissão de CBios à partir de janeiro de 2020.

Segundo Carlos Orlando, Superintendente de Biocombustíveis e de Qualidade de Produtos -- SBQ da ANP, dos 140 processos em andamento, 113 têm comunicado de contratação; 19 tiveram a consulta pública encerrada; 2 estão com consulta pública em andamento; 5 usinas têm aviso de início de consulta pública e uma com consulta pública suspensa.

Ainda segundo Orlando, das 19 usinas com consultas encerradas, 5 encontram-se em análise pela ANP/SBQ; 8 com pendências notificadas pela ANP/SBQ e 6 não tiveram relatórios finais encaminhados pelas firmas inspetoras.

Para o presidente executivo da UDOP, Antonio Cesar Salibe, o RenovaBio vive hoje uma fase importante, sendo necessário que mais e mais usinas possam certificar-se para atender a meta estabelecida pelo CNPE (Conselho Nacional de Política Energética) fixada em 28,7 milhões de CBios. "Considerando que nosso mercado carburante é da ordem de 30 bilhões de litros de etanol e 6 bilhões de litros de biodiesel, segundo informações de Martinho Ono da SCA, temos que agilizar os processos de certificação para fazermos nossa parte no sucesso do RenovaBio", destaca Salibe.

A ANP informou ainda que já somam 8 o número de firmas inspetoras credenciadas pela agência, sendo: Green Domus, SGS, Instituto Totum, Fundação Vanzolini, KPMG, Benri, Verifit e Intertek. As duas primeiras detêm a grande maioria dos contratos, e as duas últimas tiveram credenciamentos aprovados pela Diretoria Colegiada da ANP no último dia 08 de outubro.

 


Fonte: Agência UDOP de Notícias