Clipping

RenovaBio é destaque em publicação sobre petróleo dos EUA

O Programa RenovaBio, do Ministério de Minas e Energia foi destacado em artigo do editor executivo do Serviço de Informação sobre o Preço do Petróleo (OPIS na sigla em inglês), Brad Addington, especialista em matérias-primas de biocombustíveis e refinarias. O artigo tem como tema: "RenovaBio: A Paradigm Shift for Biofuels in Brazil" (RenovaBio: uma mudança de paradigma para os biocombustíveis no Brasil, em tradução livre).
O artigo destaca a importância do RenovaBio para uma mudança na forma como o governo brasileiro estimula a produção de etanol, enaltecendo que, com o programa, o Brasil dará um passo importante rumo à concretização das metas assumidas pelo país na COP21, visando 2030.
O programa, na interpretação de Brad Addington, deve contribuir para que o Brasil reduza as emissões de gases de efeito estufa em 43% em relação aos níveis de 2005; tenha 45% da matriz energética baseada em energia renovável, com 18% da fatia destinada aos biocombustíveis.
"Pela primeira vez, o Brasil está pronto para: atribuir de forma efetiva classificações de Intensidade de Carbono (CI) aos combustíveis de transporte, com base nas classificações dos processos de produção de cada produtor de biocombustíveis e na medida em que reduzem as emissão de gases de efeito estufa", destaca o editor executivo da OPIS.

Fonte: Agência Udop de Notícias