Clipping

Safra 19/20 conta com todas as usinas em funcionamento

Postado em 8 de Outubro de 2019

Iniciada na primeira quinzena de agosto a safra 19/20, segundo informou o departamento Técnico do Sindaçúcar-AL, já conta com todas as unidades industrias que estavam previstas para entrar em atividade neste ciclo em funcionamento.

Participam da moagem as usinas: Caeté, Camaragibe, Coruripe, Copervales, Marituba, Pindorama, Santa Maria, Santa Clotilde, Santo Antônio, Seresta, Serra Grande e Sumaúma, além de Leão e Porto Rico.

“No momento em que todas as unidades industriais do nosso polo sucroenergético já estão em plena operação, como representante institucional do setor, fico feliz e revigorado para nossas ações em vosso favor. Muito sucesso nessa safra e vamos continuar na luta”, declarou o presidente do Sindaçúcar-AL, Pedro Robério Nogueira.

 De acordo com o primeiro boletim quinzenal da safra 19/20, até o dia 15 de setembro, quando pouco mais da metade das usinas já estava moendo, foram beneficiadas quase 850 mil toneladas de cana.

Em comparação ao mesmo período do ciclo passado, quando haviam sido processadas quase 684 mil toneladas de cana e com apenas seis unidades industriais em funcionamento, foi registrada uma variação positiva de 24%.

No geral, quanto à produção de açúcar os números também são positivos com um crescimento de quase 9% com uma produção superior a mais 49 mil toneladas até a primeira quinzena de setembro.

As unidades produtores obtiveram também um acumulado positivo, neste primeiro levantamento da safra, no que diz respeito ao etanol. Foram produzidos mais de 19 milhões de litros do biocombustível, resultando em um crescimento 28,4% ante ao mesmo período do ciclo passado, quando a produção de era de 14,9 milhões de litros.

Expectativa

Diante de uma expectativa climática positiva, com regularidade de chuvas durante todo o ciclo de moagem, tanto as usinas quanto os fornecedores de cana afirmam que a safra poderá ultrapassar a casa das 18 milhões de toneladas de cana.

Com as mesmas 14 unidades industriais em funcionamento, no ciclo passado, foram processadas quase 16,5 milhões de toneladas de cana em Alagoas.

 


Fonte: Assessoria Jornal de Alagoas