Clipping

Safra da cana 2017/18 no Centro-sul deve ser maior

Boas notícias no setor da cana-de-açúcar no Centro-sul do Brasil. As condições climáticas favoráveis no decorrer dos últimos meses resultaram no bom desenvolvimento dos canaviais e superam as projeções para a safra 2017/18 nas usinas dessa região. Segundo apontamento da consultoria Canaplan, a produção deve ultrapassar os 575 milhões de toneladas previstos no início do ano e deve chegar a até 590 milhões de toneladas.
 
A previsão, favorável para a safra atual em comparação com a do início da produção, mesmo assim não supera a registrada na safra anterior, que bateu a marca de 607 milhões de toneladas da matéria-prima.
 
Foram as chuvas nos meses de abril e agosto as principais responsáveis por impulsionar a produtividade dos canaviais da região Centro-sul, conforme divulgou a diretoria da Canaplan. Enquanto a produção era de 74 toneladas por hectare no início da safra, no segundo semestre ela passou a ser de 75 toneladas por hectare, explica a consultoria.

Projeções de abril versus expectativa atual 
 
A estimativa da Canaplan no momento é de que a fabricação de açúcar na safra 2017/18 deva chegar a 36 milhões de toneladas e a de etanol a 24,2 bilhões de litros. No mês de abril, a consultoria indicava 34 milhões de toneladas de açúcar e 23,8 bilhões de litros de etanol a serem produzidos.
 
Mas, se as expectativas para o final desta safra são favoráveis frente às projeções iniciais, a mesma relação não é esperada para a safra 2018/19, cuja colheita começará em abril do próximo ano. Isso porque a seca dos meses de setembro e outubro deste ano deve impactar negativamente os números da safra do ano que vem.
 

Fonte: MF Rural - retirado do Portal G1