Clipping

Sphenophorus levis reduz drasticamente a produtividade da cana e pode levar à reforma antecipada 2

Postado em 28 de Junho de 2019

O 15º Insetshow vai mostrar como controlar esta praga que pode provocar quebra de 25 toneladas de cana por hectare em apenas um ano de ataque

As pragas de solo constituem um dos principais problemas fitossanitários da cana-de-açúcar. Esse grupo pode ser caracterizado como insetos que atacam o sistema radicular ou outras partes das plantas, mas que apresentam todo o ciclo, ou pelo menos uma das fases dele, no solo.

Dentre as principais pragas de solo associadas à cultura da cana-de-açúcar, destacam-se o Sphenophorus levisMigdolus, Pão-de-galinha, Larvas-arame, Naupactus spp.Crisomelídeos, Percevejo-castanho, pérola-da-terra, broca-gigante e Hyponeuma. De forma geral, pode-se afirmar que os prejuízos causados por essas pragas são enormes, pois o foco de seus ataques é o sistema radicular, a parte ativa da cana - representado pelas raízes mais profundas e bases de colmos - são responsáveis por garantir a brotação e a produtividade das soqueiras. Em muitos casos, a redução na produtividade chega a atingir 25 toneladas de cana por hectare em áreas bastante infestadas.

No momento, o Sphenophorus levis – também conhecido como bicudo-da-cana - é considerado como a mais importante praga de solo da cultura em função dos danos causados, dificuldade de controle e ritmo acelerado de dispersão. Explosões populacionais se tornaram frequentes em anos anteriores, inclusive em canaviais outrora livres da praga. Infestações que pularam de 3% de tocos atacados para 25% em áreas de segundo corte, que produziram 40 t/há, apenas.

Pesquisadores relatam que as larvas desse inseto se abrigam no interior do sistema radicular e danificam os tecidos. A partir daí, acarreta a morte da planta e falhas nas brotações das soqueiras, causando prejuízos altamente significativos. A longevidade do canavial também é reduzida, obrigando reformas extremamente precoces. 

Devido ao grande prejuízo causado, o Sphenophorus levis será um dos destaques da programação do 15º INSECTSHOW - Seminário sobre o Controle de Pragas da Cana, que acontece nos dias 17 e 18 de julho, em Ribeirão Preto, SP. Na ocasião, serão debatidas as melhores técnicas de manejo adotadas por usinas e propriedades agrícolas produtoras de cana-de-açúcar.

Serviço

15º INSECTSHOW - Seminário sobre o Controle de Pragas da Cana

Data: 17 e 18 de julho de 2019

Local: Centro de Eventos do Ribeirão Shopping - Ribeirão Preto/SP

Mais informações: (16) 3211-4770 - E-mail: eventos@ideaonline.com.br 

Inscrições: https://insectshow.ideaonline.com.br/

 

 


Fonte: CanaOnline