Clipping

Usinas de Capinópolis e Canápolis começam ser leiloadas por determinação do TJ de Alagoas

Começou nesta sexta-feira (24) o leilão das usinas Vale do Paranaíba e Triálcool, que ficam no Triângulo Mineiro e são pertencentes à Massa Falida da Laginha Agroindustrial S/A, do Grupo João Lyra. O primeiro pregão vai se encerrar no dia 30 de novembro às 14h. A determinação de realizar o leilão das usinas é do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJAL).

A Vale do Paranaíba, localizada em Capinópolis, tem área de 3.210,44 hectares e foi avaliada em R$ 206.358.000 abrangendo ao todo 17 imóveis. A Triálcool, no município de Canápolis, tem área de 6.048,86 hectares, 24 imóveis e recebeu avaliação de R$ 223.043.700. As usinas possuem capacidade de moagem de 1.700.000 toneladas/safra e 1.800.000 toneladas/safra, respectivamente.

Caso os lances não atinjam os valores de avaliação dos imóveis, terá início a segunda praça, que seguirá até 7 de dezembro e onde serão aceitas propostas não inferiores a 60% do valor dos ativos. O leilão é online e ficará a cargo da Superbid Judicial.

Falência em usinas 

Em fevereiro de 2014, o TJAL decretou falência de usinas pertencentes ao Grupo João Lyra, entre elas, a de Canápolis e a de Capinópolis. Desde novembro de 2008 a empresa tentava se recuperar judicialmente e acumula uma dívida de cerca de R$ 1,2 bilhões. Em outubro de 2015, ficou decidido que as usinas deveriam ser vendidas ou arrendadas, segundo determinação expedida pela Justiça.


Fonte: Portal G1